Gestão Financeira: Primeiros passos e erros comuns

Todos nós sabemos que as rotinas diárias de uma empresa não são nada fáceis,  principalmente para micro e pequenos empresários que muitas vezes precisam desempenhar vários papéis durante o dia. A situação torna-se pior quando chega o fim do mês e após todo seu esforço e dedicação você percebe que trabalhou e não viu a cor do dinheiro.

Podem haver vários motivos para que o dinheiro tenha acabado antes do fim do mês, mas com certeza todos eles estão relacionados com a falta de planejamento financeiro adequado. Vejamos quais são os erros mais comuns:


Você sabe quanto dinheiro sua empresa precisa para se manter em funcionamento ? Se a resposta for não, achamos o primeiro problema. Você precisa saber exatamente qual é o seu custo operacional, ou seja, a soma de suas despesas fixas e despesas variávies. Além disso é muito importante saber qual foi o destino de cada uma destas despesas. Poderíamos dividí-las em grupos para melhor organização como por exemplo Despesas Administrativas, e separá-las em itens como por exemplo Energia Elétrica, Telefone Fixo, Aluguel, etc.

Qual é o seu faturamento diário ? Você precisa ter o hábito de apurar diariamente qual foi o seu saldo de caixa. É comum que naquele dia de maior movimento na sua empresa, aquele dinheiro o atraia e você simplesmente "o subtrai" de seu caixa deixando-o zerado. O seu caixa deve ser usado na utilização de pagamento de despesas pontuais de sua empresa como limpeza e/ou manutenção, fretes, serviços terceirizados diários, e toda a sobra de caixa deverá ser investida ou depositada em uma conta bancária.







Vídeo :: Para onde foi o dinheiro ?

Você pode utilizar o Gerenciador Financeiro para incluir os seus movimentos de receita e despesa de sua empresa. Assim você conseguirá visualizar o seu caixa diário, saberá onde estão sendo aplicados os recursos e a origem de suas receitas (plano de contas). É possível utilizar o mesmo procedimento para controlar a conta bancária de sua empresa, sua conta bancária pessoal, etc.




Se você vende a prazo, quanto você tem à receber ? Não receber de seus clientes é pior do que não vender, e não estamos falando de inadimplência, estamos falando de falta de controle, você pode ter um monte de dinheiro pra receber e nem sabe. Você sabia que inclusive você pode negociar estes títulos recebíveis com seu banco e adiantar este dinheiro ao seu caixa ? É claro que pra isso você precisa saber o montante exato e quando estes valores serão pagos.









Vídeo :: Contas a Receber, como funciona ?

O Gerenciador Financeiro permite em uma única tela o controle total das vendas à prazo (Contas à Receber), desta forma você visualiza os clientes em atraso, recebimentos vencidos, e pagamentos realizados. Com este controle você tem a informação precisa de quanto dinheiro sua empresa tem a receber realizando um melhor planejamento.





Se você vende a prazo, também deve comprar à prazo, mas cuidado para não criar um endividamento acentuado e não ter condições de pagar suas obrigações. Isto pode lhe trazer diversos problemas como juros, negativas de pessoa jurídica (spc/serasa). Para isso também é necessário saber exatamente qual o seu nível de comprometimento, isso fica fácil quando o item anterior está sob controle. É o equilíbrio entre recebimentos e pagamentos. Como podemos observar, os mesmos cuidados que você tem referente aos recebimentos, devem acontecer também aos pagamentos. O Gerenciador Financeiro trata estes dois itens de forma muito semelhante.

Você sabe qual será o seu caixa daqui a 6, 10, 12 meses ? Se você equilibrou seus recebimentos e pagamentos, você saberá e aí começará a colher os frutos de seu controle e planejamento financeiro, simplesmente pelo fato de você poder tomar decisões antecipadas, como por exemplo, aumentar a frota, realizar uma reforma, um investimento. Isso chama-se fluxo de caixa.





Vídeo :: Analisando os números


Agora que você já realiza o controle de suas vendas à prazo, recebimentos, e possui um movimento de caixa diário, é hora de analisar os números, saber se sua empresa está dando lucro ou prejuízo, prever o futuro (fluxo de caixa). É possível saber com antecedência, se você irá dispor de um valor financeiro suficiente para compra de equipamentos, veículo, contratação de pessoal, etc.



Conclusão

Vimos apenas alguns itens, uma pequena introdução de como iniciar um bom controle financeiro. Esperamos que você tenha percebido a importância de conhecer a sua empresa em forma de números. A utilização de uma boa ferramenta de gestão financeira irá ajudá-lo a crescer e atingir o sucesso.


Contato e Localização

Avenida Conselheiro João Gaya, 230 - Sala 1
88375-000 - Centro - Navegantes / SC
(47) 8433-7976
navesoft@navesoft.com.br



Redes Sociais




Copyright (C) 2012 - Todos os Direitos Reservados